SXC/Divulgação
SXC/Divulgação

Saiba como melhorar sua capacidade de memorização

Algumas dicas ajudam a estimular a capacidade de lembrar e saiba quais são os fatores que comprometem suas recordações

Estadão.com.br,

09 de maio de 2012 | 15h03

Assim como a saúde do corpo em geral, uma boa memória depende de uma vida saudável, com alimentação adequada, exercícios físicos e uma boa noite de sono. Além disso, a mente também precisa estar ativa e aberta para novos aprendizados.   

Dicas para estimular a memória  

linkDesafie sua memória de forma lúdica. Você pode tentar, por exemplo, memorizar alguns itens da sua lista de compras. Comece com quatro itens, e a cada semana escolha uma categoria. Aumente o número usando categorias variadas, como, por exemplo, o que deve ser comprado que começa com a letra “C” 

linkFaça associações e use a imaginação para associar nomes, ideias e palavras, forme rimas 

linkFaça mudanças na rotina e quebre hábitos. Por exemplo, escolha um caminho novo para voltar do trabalho, mude de lugar na mesa na hora das refeições 

linkAntes de dormir, lembre de todas as coisas que você fez durante o dia, detendo-se mais tempo nas prazerosas. Depois, tente recordar-se delas em ordem inversa 

linkPreste atenção às informações que recebe. Assim, os mecanismos naturais de fixação funcionarão bem. Repare nos detalhes, nos gestos do interlocutor e nas expressões faciais 

linkDurma bem. A fixação de novos dados se consolida durante o sono 

linkPratique atividades que exijam concentração e raciocínio. Isso vale tanto para esportes em dupla ou em grupo, palavras cruzadas, jogos como xadrez, gamão ou damas. Essas atividades forçam a elaborar estratégias de antecipação e estimulam a capacidade de concentração 

linkMantenha uma sequência lógica em suas tarefas diárias, procurando organizá-las de acordo com critérios de prioridade 

linkReduza o estresse com técnicas de respiração e relaxamento e exercícios físicos regulares. Pesquisas sugerem que a prática de atividade física constante retarda o envelhecimento do cérebro pois facilita a liberação de endorfinas, neurotransmissores que garantem sensação de bem-estar 

linkUse a agenda para registrar números, datas e compromissos diários. Isso libera espaço na sua cabeça

linkO cérebro pesa cerca de 2% do peso total do corpo de um adulto e usa 20% da oferta total do sangue oxigenado - o que demanda nutrição 24 horas por dia. Uma dieta balanceada deve ser rica em fibras, conter ferro, proteínas, cálcio, sódio e potássio, carboidratos complexos e pouco açúcar 

linkTome sol na medida certa. A exposição estimula as neurotrofinas (proteínas que favorecem a sobrevivência dos neurônios) e ainda ajuda na produção de vitamina D e na absorção de cálcio

linkCultive a tranquilidade e a alegria de viver. O sofrimento envelhece o cérebro  

Fatores que podem comprometer sua capacidade de memorização  

Falta de interesse e motivação: se você não se importa com os fatos à sua volta e como você os observa, então provavelmente você os notará muito pouco e os memorizará menos ainda

Viver no 'automático': É preciso tomar consciência do entorno e não apenas cumprir as tarefas como um robô

Estresse: tensão e ansiedade desviam o foco da sua atenção do exterior para si mesmo 

Rotina: Fuja da monotonia e tente variar sua rotina diária de modo que situações novas e atividades variadas o instiguem. Organize sua vida gastando o máximo de tempo possível com coisas de que você gosta 

Falta de concentração: na correria do dia-a-dia, é fácil dissolver a concentração e dirigir o foco de atenção para algum problema que martela a sua cabeça. Escreva seu conflito num papel - você pode até optar por fazer um desenho. Dobre o papel e guarde-o para mais tarde

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.