EFE / Raimundo Pacco
EFE / Raimundo Pacco

Salvador anuncia bloqueios parciais em três grandes bairros da capital

Localidades terão restrição de veículos e fechamento de comércios a partir deste sábado, com duração inicial de sete dias

Sandy Oliveira, O Estado de S.Paulo

08 de maio de 2020 | 00h18

Salvador irá adotar o isolamento completo em três grandes bairros da cidade devido ao avanço do coronavírus. As localidades terão restrição de veículos e fechamento de comércios a partir deste sábado, 9 de maio, com duração inicial de sete dias.

O prefeito ACM Neto (Democratas) explicou que as medidas fazem parte parte de uma estratégia, com critérios técnicos que avaliam a dinâmica de cada região e a rotina de circulação das pessoas que moram neles. Ele afirmou que não se trata de um lockdown,“o que nós anunciamos hoje foram medidas que vão restringir as atividades e a circulação de pessoas na Av. Joana Angélica, Av. Sete de Setembro, Boca do Rio e Plataforma”.  

De acordo com o prefeito, o fechamento do comércio e a suspensão de atividades de rua não implicarão em alterações no transporte público, e os ônibus continuarão circulando mesmo nas avenidas que estarão interditadas para o trânsito de veículos particulares. Os moradores dos bairros afetados poderão transitar em seus carros mediante a apresentação do comprovante de residência.

O impacto das restrições deve ser mais sentido nas avenidas Joana Angélica e Sete de Setembro, que conectam o centro da cidade ao resto da cidade. Além do isolamento, a prefeitura também anunciou a distribuição de máscaras e a aplicação de testes rápidos nos bairros afetados pelas medidas restritivas, bem como medição de temperatura em massa dos moradores.

“Tudo está sendo feito para evitar que Salvador seja um palco onde nem todos vão poder ter assistência nas UTIs, onde os médicos vão ter que escolher quem vai viver e quem vai morrer”, reiterou ACM em uma rede social. A Bahia registrou mais de 4.528 casos de coronavírus e 165 mortes pela doença. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.