São Paulo bate novo recorde de mortes pela covid em 24 horas, com 1.209 vítimas

São Paulo bate novo recorde de mortes pela covid em 24 horas, com 1.209 vítimas

Nesta terça-feira, 30, Estado também registrou sua maior média móvel de óbitos, que está em 696

João Ker, O Estado de S.Paulo

30 de março de 2021 | 17h18

Com 1.209 mortes pelo coronavírus registradas nas últimas 24 horas, São Paulo bateu novamente o seu recorde de óbitos pela doença nesta terça-feira, 30, assim como na média móvel dos últimos sete dias, que chegou à marca de 696 vidas perdidas. Ao todo, o estado já registra 73.492 vítimas fatais da covid. 

Os números desta terça podem ter sido afetados pelo represamento que houve na semana passada, segundo o governo paulista, após a alteração do Ministério da Saúde no SIVEP-Gripe, usado a nível nacional para inserção de vítimas da covid-19 pelos municípios. Na quarta-feira, 24, o Estado havia registrado apenas 281 óbitos, bem abaixo do recorde do dia anterior (1.021).

São Paulo vem ultrapassando seu próprio recorde na média móvel e total de mortes em 24 horas ao longo das últimas semanas. Ainda na sexta-feira, 26, era de 1.193 o maior número de óbitos pela doença registrados em apenas um dia. Nesta terça, o índice de ocupação em leitos de UTI do Estado continuava em 92,2%, enquanto o índice na região metropolitana é de 91,8%.

O total de casos confirmados da covid-19 já chegou a 2.446.680, dos quais 21.360 foram registrados apenas nas últimas 24 horas. O Estado segue na "fase emergencial" do Plano SP até o próximo dia 11. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.