São Paulo pagará R$ 30 mil por erro de receita

O Estado de São Paulo foi condenado a pagar indenização de R$ 30 mil à empregada doméstica Maria Bitencourt Pires, 36 anos, que recebeu medicamento errado num posto de saúde de São José do Rio Preto em novembro de 2003. Com hepatite C, contraída após transplante de rim, ela tomou durante 20 dias um medicamento para tuberculose.

Agencia Estado,

25 de maio de 2006 | 12h45

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.