Gabriel Diaz/Instituto de Aastrofisica de Canarias
Gabriel Diaz/Instituto de Aastrofisica de Canarias

Satélite observa oscilações de luz em estrelas parecidas com o Sol

Estudo destas diferenças pode levar à descoberta de novos planetas

estadão.com.br,

07 Abril 2011 | 15h43

SÃO PAULO - O satélite Kepler da Nasa detectou variações na luminosidade de 500 estrelas parecidas com o Sol do nosso sistema. Estas observações, que serão publicadas na edição desta semana da revista Science, auxilia os astrônomos a entenderem a natureza e evolução destes astros.

Veja também:

 

blogQuer conhecer 1.236 candidatos a planeta?

link Censo cósmico: mais de mil possíveis novos planetas fora do sistema solar

link Acompanhe a missão Kepler

link Game online ajuda cientistas na busca por novos planetas

link Sonda Kepler da Nasa descobre o menor planeta fora do Sistema Solar

link Descoberta de planeta habitável é iminente, dizem astrônomos

Estas observações dão uma ideia da massa, raio e idades destas estrelas, assim como sua estrutura. Os cientistas já identificaram a oscilação em cerca de 25 estrelas com tamanho, idade e composição similares ao Sol.

Mas a principal missão do Kepler é ajudar na localização de planetas parecidos com a Terra, que poderiam ser habitáveis. As oscilações da luz ajudam nesta localização porque podem indicar que há um planeta orbitando estes astros.

Para este tipo de observação, o satélite tem um fotômetro, instrumento que mede a intensidade da luz. Este fotômetro inclui um telescópio e uma câmera de 95 megapixel. A expectativa é que seja possível observar 170 mil estrelas em pelo menos três anos e meio.

Entre as projetos futuros desta missão está o estudo para determinar a idade de todas estas estrelas e das estrelas próximas aos planetas que poderiam ter vida.

O telescópio, lançado em 2009, está orbitando o Sol entre a Terra e Marte, conduzindo um censo planetário e buscando planetas similares à Terra. Ele já descobriu que há mais planetas muito menores que Júpiter - o maior planeta do nosso sistema solar - do que planetas gigantes.

Mais conteúdo sobre:
estrela planeta Kepler Nasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.