Reprodução
Reprodução

Secretários de saúde do Brasil lançam site para divulgar dados sobre novo coronavírus

Portal surgiu após o Ministério da Saúde mudar a forma de divulgação dos números sobre a covid-19 no País, omitindo os números gerais e retardando as informações

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de junho de 2020 | 21h04

O Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass) lançou neste domingo um site para divulgar dados sobre o novo coronavírus no Brasil. A medida do órgão, que reúne os gestores dos 26 Estados brasileiros e do Distrito Federal, ocorreu após o Ministério da Saúde mudar a forma de divulgação dos números sobre a covid-19 no País. Nos últimos dias, o MS passou a omitir o número total de casos e mortes causadas pela doença, informando apenas os dados das últimas 24 horas. A divulgação dos dados passaram também a ser cada vez mais tarde, das 17h para as 19h e depois para as 22h.

De acordo com o Conass, os dados no portal lançado neste domingo serão atualizados diariamente às 17h. Desde a última quinta-feira, o Ministério da Saúde passou a divulgar os dados apenas no fim da noite, a partir das 21h30.

Em nota assinada pelo presidente do Conass, Alberto Beltrame, o site informa que a entidade "pauta sua atuação pelo mais alto interesse público, respeito à diversidade e pluralismo democrático. Nosso valor maior é a vida. A defesa da saúde e da vida é nosso compromisso inabalável com os brasileiros. Tendo a democracia como princípio, o Conass busca incessantemente o consenso para o fortalecimento do sistema de saúde que todos desejamos. Um SUS capaz de acolher, proteger, promover, recuperar e salvar vidas de todos os brasileiros, com empatia, solidariedade e compaixão é o que queremos. A ciência, a verdade e a informação precisa e oportuna são fios condutores do processo orientador da tomada de decisão na gestão da saúde."

Também neste domingo, o ex-secretário do Ministério da Saúde e atualmente no comitê criado pelo Governo de São Paulo, João Gabbardo, divulgou o lançamento de um outro portal. Segundo ele, a plataforma "será atualizada de hora em hora, direto das bases estaduais".

Há ainda um outro site paralelo que vem divulgando todos os números de casos e mortes por coronavírus no Brasil. O Brasil.io é composto por voluntários que compilam os boletins epidemiológicos das 27 Secretarias Estaduais de Saúde.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.