Segundo federação, maioria dos usuários de planos de saúde está satisfeita

De acordo com a pesquisa, 76% dos entrevistados afirmaram estar satisfeitos com os serviços, apesar das reclamações

Agência Brasil,

22 Junho 2011 | 08h45

BRASÍLIA - A Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde) informou, em nota, que a pesquisa divulgada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) ratifica que a maior parte dos usuários dos planos de saúde está satisfeita.

 

A pesquisa encomendada pelo CFM mostra que seis em cada dez usuários tiveram problemas com o plano no último ano. A demora em conseguir atendimento em pronto-socorro, laboratório ou clínica é a queixa mais comum, apontada por 26% dos entrevistados. De acordo com a pesquisa, feita pelo Instituto Datafolha, 76% dos entrevistados afirmaram estar satisfeitos com os serviços, apesar das reclamações.

 

"A FenaSaúde informa que a pesquisa do Datafolha/CFM divulgada pelo Conselho Federal de Medicina sobre a satisfação dos beneficiários com os planos de saúde ratifica os resultados da pesquisa Datafolha/IESS divulgada em março deste ano, que registrou um índice de 80% de satisfação dos beneficiários com seus planos", diz a nota da federação, que representa 15 grandes operadoras de planos de saúde. A pesquisa citada pela entidade ouviu 1.626 clientes de planos de saúde em oito capitais.

 

Na nota, a FenaSaúde não trata da questão das reclamações apontadas pela pesquisa do CFM. Outras queixas relatadas pelos usuários, conforme a pesquisa do conselho, são pouca variedade de profissionais e hospitais, dificuldade de marcar consulta e descredenciamento de médico procurado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.