DANIEL TEIXEIRA/ESTADAO
DANIEL TEIXEIRA/ESTADAO

Seis mortes por dengue são confirmadas em um dia no interior de SP

Novos casos não estão computados no mais recente boletim epidemiológico do governo, que aponta 35 óbitos no Estado

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

13 Março 2015 | 18h23

SOROCABA - A prefeitura de Águas de Lindoia, na região de Campinas, confirmou nesta quinta-feira, 12, que a dengue causou a morte de uma mulher de 46 anos, ocorrida no final de fevereiro. O óbito, até então considerado suspeito, foi registrado no Hospital das Clínicas da Unicamp, em Campinas, onde a paciente estava internada com sintomas da doença. Com essa, sobem para seis as mortes confirmadas por dengue em um único dia.

Na mesma região, a dengue foi confirmada como causa de duas mortes em Mogi Mirim. As vítimas são mulheres, uma delas com 28 anos, a outra com 69. A Secretaria da Saúde de Bauru, na região noroeste, também havia confirmado na quinta-feira três mortes por dengue, todas ocorridas este mês.

Esses novos casos não estão computados no mais recente boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, que aponta 35 óbitos confirmados por dengue no Estado de São Paulo até o último dia 7.

Nesta quinta-feira, 12, balanço do Ministério da Saúde mostrou que São Paulo é o Estado com o maior número de infectados.

Mais conteúdo sobre:
Dengue

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.