SESI-SP lança manual de saúde no setor de panificação

O SESI-SP lançou ontem o Manual de Segurança e Saúde no Trabalho - Indústria da Panificação. Esse é o quarto volume de uma série que pretende atender, gratuitamente, diversos ramos da indústria com orientações para a prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho Os outros três já editados correspondem às indústrias calçadistas, do vestuário e moveleira. Seu público-alvo são empresários, profissionais da área de Recursos Humanos, trabalhadores da indústria da panificação e profissionais da área de Segurança e Saúde no Trabalho. Segundo dados do Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria (Sindipan), o setor é composto por 52 mil empresas, que empregam mais de 550 mil trabalhadores. Cada padaria, em média, trabalha com 12 profissionais, sendo dez empregados e dois sócios. O manual foi elaborado pela equipe técnica da Gerência de Segurança e Saúde no Trabalho da Diretoria de Assistência Médica e Odontológica do SESI-SP a partir de um estudo de campo que avaliou as condições de 89 empresas do setor em São Paulo, Campinas, Santos e região do ABCD. O material retrata a realidade encontrada na indústria da panificação, sua tipificação e riscos mais comuns, com sugestões de correção para a prevenção de acidentes e doenças ocupacionais. ?A criação dos manuais se baseou na importância e necessidade de desenvolver um instrumento de apoio aos ramos industriais com carência de orientações na área de Segurança e Saúde no Trabalho?, diz Marília Monti, diretora da área de Saúde do SESI-SP. Além de fornecer informações sobre riscos, o manual destaca modos de prevenção de maneira didática, exemplificados com ilustrações. Também traz um capítulo especial sobre a legislação da segurança e da saúde no trabalho aplicada ao setor da panificação. Para os trabalhadores, foi elaborado um encarte especial, com 16 páginas, com orientações de segurança desde o recebimento da matéria-prima até o manuseio de utensílios e equipamentos e a organização do trabalho. SESI-SP e SENAI-SP www.sesisp.org.br e www.sp.senai.br

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.