Sobe para 43 mortes e 1.025 casos o surto de dengue hemorrágica em Honduras

Trata-se da epidemia mais grave da doença registrada na história do país latino-americano

Efe

06 de agosto de 2010 | 19h25

TEGUCIGALPA - A epidemia de dengue hemorrágica em Honduras já causou dez novas mortes entre a semana passada e esta, aumentando para 43 as vítimas este ano no país, segundo dados da Comissão Nacional de Certidão da doença.

Trata-se da epidemia de dengue mais grave registrada na história de Honduras, disse à imprensa o ministro da Saúde, Arturo Bendaña.

Até agora, os casos de infectados por dengue hemorrágica somam 1.025 e 43 mortos, enquanto o tipo clássico da doença foi contraído por 33.628 pessoas, de acordo com os números da Secretaria da Saúde.

Tudo o que sabemos sobre:
denguedengue hemorrágicaHonduras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.