Marcelo Chello/Estadão
Marcelo Chello/Estadão

Capital paulista começa a vacinar idosos acima de 85 anos nesta quinta-feira, 11

No resto do Estado, aplicação nessa faixa etária irá iniciar na sexta-feira. Governo também anuncia que idosos entre 80 e 84 anos devem ser imunizados a partir de 1º de março

João Ker, O Estado de S.Paulo

10 de fevereiro de 2021 | 13h15
Atualizado 11 de fevereiro de 2021 | 07h38

A vacinação contra o coronavírus para idosos de 85 a 89 anos foi antecipada para a próxima sexta-feira, 12, em todo o Estado. Na capital paulista, a imunização dessa faixa etária começará ainda antes, nesta quinta-feira, 11, em cinco drive-thrus (veja lista abaixo). Inicialmente, essa etapa estava prevista para começar apenas na semana seguinte e deve abranger cerca de 309 mil pessoas. Nesta tarde, o governador João Doria (PSDB) também anunciou que a fase seguinte da imunização, para 563 mil pessoas entre os 80 e 84 anos, começará em 1º de março. 

Essa já é a segunda vez que o calendário de vacinação do Estado foi antecipado em três dias. Na semana anterior, a imunização em idosos acima dos 90 anos também foi adianta para a sexta-feira, 5. 

Ao todo, já foram mais de 1,05 milhão de pessoas vacinadas contra a covid-19 no Estado. Nesta tarde, Doria afirmou que o ritmo de imunização é quatro vezes mais rápido que o registro de novos casos em São Paulo, onde foram registrados aproximadamente 260 mil infecções desde 17 de janeiro, quando as vacinas começaram a ser aplicadas. 

Durante a coletiva, o governo também anunciou a possibilidade de o Hospital das Clínicas funcionar aos fins de semana para atender à demanda pela segunda dose de Coronavac em quem foi vacinado no primeiro grupo prioritário, como profissionais de saúde, idosos com mais de 60 anos e pessoas com deficiência com mais de 18 anos vivendo em instituições de longa permanência, indígenas aldeados e quilombolas.

De acordo com Regiane de Paula, coordenadora do Centro de Controle de Doenças do Estado, alguns municípios ainda poderão antecipar essa aplicação para um intervalo de 21 dias, e não 28, como previsto, a depender da oferta e distribuição das vacinas.

No total, Doria afirma que 27,1 milhões de doses da Coronavac já estão em solo brasileiro, das quais 9,8 milhões foram entregues ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). Outras 17,3 milhões estão em fase final de produção devem ser entregues ao Ministério da Saúde a partir do próximo dia 23.

Nesta manhã, o Instituto Butantan recebeu da China um novo carregamento de insumos para a Coronavac, equivalente a 8,6 milhões doses da vacina desenvolvida em parceria com a Sinovac. Ainda na semana anterior, o governo anunciou também a compra de 20 milhões de doses extras do imunizante, que se somam a outras 100 milhões já em negociações com o Ministério da Saúde. 

Prefeitura vacina a partir desta quinta-feira em cinco drive-thrus

A Prefeitura de São Paulo informou que a vacinação de idosos a partir de 85 anos até 89 anos ocorrerá a partir desta quinta-feira, 11, em cinco drive-thrus da cidade. A partir da sexta-feira, 12, a vacina passa a ser oferecida também em todas as 468 unidades básicas de saúde da capital. 

"A população estimada entre os 85 e 89 anos na cidade é composta por 89.088 pessoas. A SMS orienta que as pessoas não se antecipem ao horário de abertura dos drive-thrus para evitar desconforto desnecessário aos idosos", informou em nota a gestão do prefeito Bruno Covas (PSDB). 

O funcionamento das cinco unidades é das 8h às 17h nos seguintes endereços:

  1. Praça Charles Muller - Estádio do Pacaembu (zona oeste);
  2. Neo Química Arena Corinthians (zona leste);
  3. Autódromo de Interlagos (zona sul) - Rua Jacinto Júlio – Portão 9 – KRF;
  4. Centro de Exposições do Anhembi (zona norte) - Rua Olavo Fontoura – Portão 38;
  5. Igreja Boas Novas, na Vila Prudente (zona leste) - Rua Marechal Malet, 611 - Parque da Vila Prudente.

Os idosos, seus familiares, ou qualquer pessoa que integre o público previsto na campanha, lembra a Prefeitura, podem realizar o pré-cadastramento para a vacinação contra a covid-19 no site “Vacina Já”.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.