Camila Domingues/Palácio Piratini
Camila Domingues/Palácio Piratini

SP inicia última etapa da campanha de vacinação contra a gripe

Fase final da imunização, que vai até o dia 5 de junho, é dividida em duas partes

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de maio de 2020 | 15h19

SÃO PAULO - Começou nesta segunda-feira, 11, a última etapa da campanha de vacinação contra a gripe em São Paulo. Conforme determinação do Ministério da Saúde, a fase final se divide em duas: na primeira parte, até o dia 17, o foco é em crianças de seis meses a seis anos; gestantes; e puérperas — mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias. Pessoas com deficiência também terão acesso a doses do imunizante.

A segunda parte, entre 18 de maio e 5 de junho, destina-se a adultos de 55 a 59 anos de idade, mas também atenderá professores de escolas públicas e privadas. Até o momento, a campanha já atingiu aproximadamente dez milhões de pessoas no Estado de São Paulo. No grupo estão inclusos 7,3 milhões de idosos, 1,4 milhão de doentes crônicos e 1,3 milhão de profissionais da saúde.

Para a última etapa, a expectativa é acrescentar cerca de cinco milhões de paulistas (90% do público-alvo) à contagem de imunizados. A vacina contra a gripe, porém, não tem eficácia no combate ao novo coronavírus, que já vitimou mais de 11 mil pessoas ao redor do Brasil — 3,7 mil apenas em São Paulo.

“A vacina previne a população-alvo contra o vírus Influenza e é fundamental para evitar complicações decorrentes da gripe. Lembramos que o respeito às etapas e às orientações dos postos é necessário para que não ocorram aglomerações, de forma a evitarmos a transmissão de doenças respiratórias, como a covid-19 e a própria gripe”, alerta a diretora de Imunização da Secretaria, Nubia Araujo.

Confira as etapas da campanha de vacinação contra a gripe:

  • Etapa 1: iniciada em 23 de março e concluída em 15 de abril, para idosos acima de 60 anos e trabalhadores da saúde; inclusão de profissionais de forças de segurança e salvamento desde 30 de março.
  • Etapa 2: começou em 16 de abril e terminou em 8 de maio, para portadores de doenças crônicas, comorbidades e outras condições clínicas especiais; caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários; sistema prisional; indígenas;
  • Etapa 3: a partir de 11 de maio e dividida em duas fases:

    1ª fase: de 11/5 a 17/5 para crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade, pessoas com deficiência, gestantes e puérperas até 45 dias.

    2ª fase: 18/05 a 05/06 para adultos de 55 a 59 anos de idade e professores das escolas públicas e privadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.