Nasa TV/Reuters
Nasa TV/Reuters

Sunita Williams bate recorde feminino de trabalhos fora da ISS

Astronauta superou a marca de 40 horas de serviços realizados no exterior da Estação Espacial Internacional; norte-americana já havia batido outro recorde ao ficar por 195 dias no espaço

Efe,

06 Setembro 2012 | 15h56

A astronauta Sunita Williams marcou um novo recorde entre as mulheres no âmbito espacial ao superar a marca de 40 horas de trabalho no exterior da Estação Espacial Internacional (ISS), informou a Agência Espacial Americana (Nasa).

 

A Nasa detalhou que Sunita superou o recorde às 8h15 desta última quarta (horário de Brasília), na segunda jornada de trabalho no exterior da Estação Espacial ao lado do astronauta japonês Akihiko Hoshide.

 

Duas horas e 12 minutos após o início da jornada, Sunita, de 46 anos, superou o recorde de horas de trabalho fora de uma nave ou estação espacial, que anteriormente pertencia à astronauta Peggy Whitson, que somou 39 horas e 46 minutos.

 

Na quinta-feira passada, Sunita e Hoshide trabalharam durante 8 horas e 17 minutos fora da ISS - um projeto de US$ 100 bilhões de que participam 16 nações - sendo o terceiro dia de trabalhos exteriores realizado por uma tripulação do posto orbital.

 

Em 2006, durante sua estada na ISS, Sunita tinha estabelecido um recorde mundial para mulheres com quatro dias de trabalhos extra-veiculares. Em uma missão posterior, a astronauta já havia batido outro recorde ao ficar por 195 dias no espaço, se tornando na mulher a ficar mais tempo fora da Terra.

 

Assim que a tripulação atual da ISS - que é comandada pelo russo Gennady Pedalka e ainda conta com seu compatriota Serguei Revin e o americano Joe Acaba - voltar à Terra, em 16 de setembro, Sunita será a comandante do posto orbital até janeiro de 2013. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.