Wu Hong/EFE
Wu Hong/EFE

Surto de coronavírus está ‘apenas começando’ fora da China, diz especialista da OMS

Especializado em doenças infecciosas, Dale Fisher se diz confiante de que 'todos os países terão pelo menos um caso' da doença

Redação, O Estado de S.Paulo

13 de fevereiro de 2020 | 08h12

SINGAPURA - O surto de coronavírus, que passa pelo seu ápice na China, está apenas começando no resto do mundo, afirma um especialista em doenças infecciosas da Organização Mundial da Saúde (OMS). Nesta quarta-feira, 12, o país determinou um novo critério de diagnóstico para o vírus, que fez o número de vítimas fatais saltar para 1.350 e de casos diagnosticados para quase 60 mil. 

De acordo com o governo chinês, o vírus já atingiu seu auge no país e a previsão é de que a epidemia termine até abril, com base em modelos matemáticos, eventos recentes e ação governamental. “É justo afirmar que estamos observando isso [na China]. Mas o vírus se espalhou para outros lugares, onde está apenas no início do surto”, afirmou Dale Fisher, presidente da Global Outbreak Alert & Response Network, à Reuters

Criada em abril de 2000, a rede pertence à OMS e serve como seu órgão oficial de articulação internacional para combater a propagação de epidemias. “Me sinto bastante confiante de que cada país terá pelo menos um caso [do coronavírus]”, disse Fischer. 

O especialista em doenças infecciosas, entretanto, pede para que a comunidade internacional “mantenha a cabeça fria”. “Para a maioria das pessoas, será apenas um doença leve, mas ainda assim trate-a com respeito.” / REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
China [Ásia]coronavírusepidemia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.