DANIEL TEIXEIRA/ESTADAO
DANIEL TEIXEIRA/ESTADAO

Teste final da vacina contra dengue do Instituto Butantã será em outubro

Última fase de pesquisa pode começar dentro de dois meses, caso não esbarre em entraves burocráticos, afirmou o diretor Jorge Kalil

Fábio de Castro, O Estado de S. Paulo

13 Agosto 2015 | 03h00

O diretor do Instituto Butantã, Jorge Kalil, disse nesta quarta-feira, 12, que a última fase de pesquisa clínica da vacina contra a dengue pode começar dentro de dois meses, caso não esbarre em entraves burocráticos que, segundo ele, têm atrasado os estudos que envolvem testes em voluntários. “Creio que já em outubro poderemos iniciar a fase 3 de estudos clínicos para a vacina contra a dengue. Se isso acontecer, poderemos ter a vacina disponível para a população em 2016”, disse. A última fase da pesquisa envolverá a vacinação de 17 mil voluntários durante um ano.

Em 6 de agosto, o início da fase 3 de estudos clínicos da vacina nacional foi aprovado pela Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio). Agora, o Butantã aguarda aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep). Segundo Kalil, é possível que a demanda sociedade por uma vacina exerça pressão sobre os órgãos, acelerando a aprovação. “Já temos mais de 1,3 mil pessoas que se cadastraram para participar dos testes.”

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.