Tsunami que devastou Samoa e Tonga aconteceu por um terremoto duplo

Dois eventos sísmicos diferentes e quase simultâneos causaram acontecimento anômalo

Efe

18 de agosto de 2010 | 11h43

LONDRES - O tsunami que devastou as ilhas de Samoa e Tonga, no Pacífico, em setembro do ano passado e causou 192 mortes deveu-se a dois terremotos gigantes e quase simultâneos, um dos quais ocultou o outro .

 

De acordo com um estudo publicado na revista Nature, foi identificado um primeiro grande terremoto "intraplaca", na encosta exterior da vala oceânica, que por sua vez, aparentemente provocou um terremoto de magnitude semelhante na zona de subducção.

 

Este duplo sismo inverte o padrão observado anteriormente para essas sequências e indica que, quando um choque forte desencadeia uma subducção (afundamento) das placas tectônicas, pode aumentar significativamente a capacidade de geração de um tsunami.

 

Megaterremotos ocorrem frequentemente em zonas de subducção, onde uma placa tectônica afunda abaixo de outra.

 

Já se observou um outro tipo de terremoto, quando a placa superior é dobrada para cima e, em seguida, afunda sob a outra, mas nunca antes o inverso.

 

Os sismos ocorridos em setembro de 2009 ao longo da zona de subducção de Tonga têm intrigado os cientistas já que as ondas do tsunami não chegaram quando esperadas e também foram marcados por amplitudes e polaridades anômalas.

 

Depois de estudar os dados do Sistema de Posicionamento Global (GPS) e os modelos de tsunami, uma equipe liderada por John Beavan, do Instituto de Ciências Geológicas e Nucleares (GNS), Nova Zelândia, descobriu que essa sequência sem precedentes foi de fato dois terremoto.

 

O terremoto que ocorreu na encosta exterior da trincheira oceânica ocorreram quase em simultâneo com outra de igual intensidade na zona adjacente de subducção de Tonga.

 

Em outro estudo, também publicado na Nature, Thorne Lay e seus colegas da Universidade da Califórnia em Santa Cruz (EUA) analisou as ondas sísmicas de terremotos e estes descobriram que o primeiro, de 8,1 de magnitude, desencadeou outro evento sísmico de magnitude de 8 graus na escala de Richter.

Mais conteúdo sobre:
TerremototsunamiSamoa e Tonga

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.