AFP
AFP

Europa cria força-tarefa para desenvolver vacina contra zika

Grupo de especialistas tem missão de elaborar questões científicas e regulatórias sobre vírus; surto da doença já atinge 33 países

O Estado de S. Paulo

08 Fevereiro 2016 | 15h20

PARIS - A Agência Europeia de Medicamento anunciou nesta segunda-feira, 8, a criação de um grupo de especialistas em zika destinado a acelerar o desenvolvimento de tratamentos ou vacinas contra o vírus. O surto da doença já atinge 33 países, mas nenhum deles na Europa, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Ainda não há vacina contra zika. 

A formação desse grupo, segundo a entidade europeia, foi decicida logo após a OMS decretar emergência mundial por causa da microcefalia nas áreas onde há zika. Esses pesquisadores terão a tarefa de ajudar na pesquisa de medicamentos contra a doença, formulando questões científicas e regulatórias. 

O grupo deverá ficar em contato com empresas que começaram a trabalhar com vacinas ou terapias e revisar todos os dados sobre o vírus. De acordo com a OMS, há doze grupos trabalhando no desenvolvimento de vacinas contra o vírus. A organização mundial está selecionando pesquisas no setor que devem ser prioritárias./ COM AGÊNCIAS


Mais conteúdo sobre:
zikaeuropadenguevacinaoms

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.