Unifesp oferece atendimento gratuito às vítimas de violência sexual

Serviço também inclui apoio jurídico por meio da Organização Pró-Bono

Central de Notícias,

28 Abril 2011 | 10h10

São Paulo, 28 - A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), por meio da Unidade "Casa de Saúde da Mulher", oferece atendimento diferenciado às mulheres e adolescentes vítimas de violência sexual desde 1998.

O serviço conta com profissionais da área de enfermagem, médicos, psicólogos, assistentes sociais e ultrassonografistas, além de oferecer apoio jurídico por meio da Organização Pró-Bono, na qual uma advogada se disponibiliza, gratuitamente, a orientar, acompanhar e facilitar o acesso das pacientes aos encaminhamentos jurídicos eventualmente necessários, caso a paciente assim o desejar.

O atendimento multiprofissional é necessário para que se realize a prevenção, não só de uma possível gravidez decorrente da violência, bem como das doenças sexualmente transmitidas como: sífilis, hepatites, AIDS entre outras; das complicações sociais como acesso a medicações, escolas, empresas, etc.; traumas psicológicos resultantes da violência (Transtorno de Estresse Pós- Traumático).

Serviço

Casa de Saúde da Mulher

Os atendimentos de emergência (imediatamente após a agressão sexual) são realizados no Pronto-Socorro do Hospital São Paulo, por equipe treinada neste tipo de violência. Logo após, as vítimas são encaminhadas para a "Casa de Saúde", para o devido acompanhamento ambulatorial pela equipe especializada multiprofissional.

End.: Rua Borges Lagoa, 418 - Vila Mariana - São Paulo - SP

Informações e marcação de consultas: tel. (11) 5084 4987

Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 7 às 17 horas

Mais conteúdo sobre:
violência sexual

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.