Joedson Alves/Efe
Joedson Alves/Efe

Pela primeira vez, Brasil ultrapassa 1 milhão de doses da vacina contra covid aplicadas em 24 horas

Nas últimas 24 horas, 1.095.362 receberam a primeira ou a segunda dose do imunizante no País

João Ker, O Estado de S.Paulo

01 de abril de 2021 | 20h45
Atualizado 02 de abril de 2021 | 12h58

O número de pessoas vacinadas contra o coronavírus no Brasil, com pelo menos uma dose do imunizante, chegou a 18.548.301 nesta quinta-feira, 1º de abril, o que equivale a 8,78% da população. Somando as aplicações da primeira e da segunda doses, 1.095.362 receberam a vacina no País desde as 20h de ontem. Esta é a primeira vez que o número ultrapassa a marca de um milhão desde o início da pandemia, de acordo com dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa junto a secretarias de 26 Estados e Distrito Federal.

Nas últimas 24 horas, 963.429 brasileiros receberam a primeira dose da vacina contra a covid e outras 131.933 receberam a segunda aplicação do imunizante. Do total de mais de 18 milhões de brasileiros vacinados, 5.223.544 já receberam as duas doses do imunizante contra o coronavírus, o equivalente a 2,47% da população.

Em termos proporcionais, a Bahia é o Estado que mais vacinou sua população até aqui: 11,15% dos habitantes receberam ao menos a primeira dose. A porcentagem mais baixa é encontrada no Mato Grosso, onde 5,20% receberam pelo menos a primeira aplicação da vacina. Em números absolutos, o maior número de vacinados com a primeira dose está em São Paulo (4,67 milhões), seguido por Bahia (1,66 milhão) e Minas Gerais (1,61 milhão).

Em sua transmissão online semanal, o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) prometeu nesta quinta-feira ampliar o ritmo de vacinação no País. "Pretendemos ao longo dos próximos dias aplicar um milhão de doses por dia no Brasil", disse o chefe do Planalto, em live transmitida pelas redes sociais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.