Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Saúde » Sobe para 12 o número de casos de H1N1 na região de Rio Preto

Saúde

REUTERS

Sobe para 12 o número de casos de H1N1 na região de Rio Preto

Vírus foi confirmado como causa de duas mortes ocorridas neste ano em Santa Adélia e Tabapuã; alta incidência preocupa

0

José Maria Tomazela,
O Estado de S. Paulo

02 Fevereiro 2016 | 12h45

SOROCABA - Uma mulher internada em ala de isolamento do Hospital de Base de São José do Rio Preto é a 12ª vítima do H1N1 nessa região do interior de São Paulo, este ano. O caso, confirmado nesta segunda-feira, 1, é o primeiro na cidade. Segundo a Secretaria de Saúde de Rio Preto, a mulher pegou a doença em Catanduva, cidade que concentra o maior número de casos. O vírus foi confirmado como a causa de duas mortes ocorridas este ano na região, em Santa Adélia e Tabapuã, respectivamente. 

De acordo com a Vigilância Epidemiológica de Catanduva, foram notificados 34 casos suspeitos da doença este ano na própria cidade e no entorno. A alta incidência em pleno verão causa preocupação, pois a doença é mais comum no inverno. O vírus H1N1 causa doença respiratória aguda e contagiosa.

Em 2009, a Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu alerta de pandemia por considerar a situação alarmante, como ocorre neste momento com o zika vírus.

Mais conteúdo sobre:

Comentários