EFE
EFE

Temer sanciona lei que cria o 'Dezembro Vermelho', de prevenção à aids

Entre as atividades estão a iluminação de prédios, palestras e publicidade para assistência às pessoas que vivem com o vírus HIV

Felipe Frazão, O Estado de S.Paulo

07 Novembro 2017 | 21h59

BRASÍLIA - O presidente da República, Michel Temer, sancionou nesta terça-feira, 7, a lei que institui a Campanha Nacional de Prevenção à Aids e Demais Infecções Sexualmente Transmissíveis, o chamado "Dezembro Vermelho". A campanha será realizada anualmente.

+++ Prevalência de aids entre homens que fazem sexo com homens aumenta 140% em 7 anos

De acordo com o texto da Lei 13.504/2017, o foco da campanha será a prevenção, assistência, proteção e promoção dos direitos humanos de pessoas que vivem com o vírus HIV e a aids.

+++ Conheça 10 mitos e verdades sobre a aids

As mobilizações serão desenvolvidas no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) pela administração pública e entidades da sociedade civil e internacionais.

+++ 112 mil brasileiros não sabem que têm HIV; aids avança entre homens jovens

Entre as atividades autorizadas estão a iluminação de prédios públicos com luzes vermelhas, palestras, campanhas publicitárias em mídia e eventos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.